Não esperava assistir mais nada sensacional esse ano, mas aos 43 minutos do segundo tempo, surge “Bridgerton”, na Netflix.

Com um roteiro adaptado de uma série de livros de Julia Quinn, a história se passa na Londres de 1813, e é uma ficção baseada em fatos reais que tem um quê de Gossip Girl. Narrada pela misteriosa Lady Whistledown, que alimentava a curiosidade da alta sociedade local com um panfleto contando as fofocas, o grande diferencial da série é colocar a diversidade como parte da trama.

A rainha Charlotte, casada com o Rei George III, era descendente de africanos. Na série, esse casamento tem reflexos claros na formação da sociedade, e vemos brancos e negros tanto como criados quanto membros da alta sociedade. O casal protagonista também é birracial e não enfrenta problemas por isso, mas todo esse avanço social não impede que o machismo e a homofobia estejam presentes.

Em dado momento, a importância desse casamento é exposta num diálogo entre Lady Danbury (Adjoa Andoh) e Simon Basset (Regé-Jean Page): “Entendo que acredite que sentimentos como amor e devoção, afeto e apego, não passam de bobagens e frivolidades. Mas já parou pra pensar que esses sentimentos são precisamente o que permitiu que um novo dia começasse a raiar nesta sociedade? Veja nossa rainha. Veja nosso rei. Veja o casamento deles. Veja como tudo mudou pra nós, o quanto nos deu abertura. Éramos sociedades distintas, divididas pela cor, até um rei se apaixonar por uma de nós.”

SOPHIE CHARLOTTE, A PRIMEIRA RAINHA AFRO-DESCENDENTE DA INGLATERRA QUE INSPIROU A SÉRIE DE SHONDA RHIMES

A série é uma produção da Shonda Rhimes, que produziu Scandal e Grey’s Anatomy. Para 2021, só posso desejar que sejam produzidas cada vez mais séries e filmes que abordem preconceitos de qualquer natureza e apresentem como realidade o fato de que podemos viver numa sociedade mais justa e fraterna.

Bom ano novo.

58 Shares:
1 comentário
  1. Alem de toDas as QUALIDADES muoto bem descritas no seu texto, a SÉRIE tem AMBIENTAÇÃO, figurinos e PERSONAGENS INCRÍVEIS!
    Tem ritmo, bons DIÁLOGOS, ATUAÇÕES ÓTIMAS , ganchos que me FIZERAM devorar os 8 EPISÓDIOS em dOis dias, isso porque “ECONOMIZEI”, com pena de terminar logo.
    REALMENTE foi uma ÓTIMA surpresa!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também pode gostar: