Fale um pouco sobre você. Nome, idade, atividade atual, onde mora. Como e por que começou a fazer o que faz hoje.

Kika Gama Lobo, 57 anos, influencer da maturidade. Carioca, moro no Rio de Janeiro, em Ipanema. Comecei a ser uma blogueira ageless quando fiquei doente em 2012. Estou há 9 anos tentando me firmar como uma voz da maturidade

Gosta do que faz? Pretende mudar de carreira? Resolveu mudar de carreira por causa da pandemia ou já estava se preparando para esse movimento?

Ainda trabalho no mercado formal de jornalismo como assessora de comunicação e faço muitos trabalhos em comunicação corporativa para me manter. Mas o que eu quero é ser uma voz da maturidade. Nasci para compartilhar minhas descobertas com o público 50+

Acredita que somos mais felizes agora, na maturidade?

Eu sou. Menos pressão sobre o meu dia a dia. Liguei o foda-se

Chegou onde pretendia, financeiramente – ou mesmo em termos de relacionamentos – onde imaginou? Faz um planejamento financeiro para o futuro? Ou deixa nas “mãos de deus’?

Nem de longe. Sou mãe-solo. Muitos gastos nas minhas costas. Faço aula de planejamento financeiro para endividados e minha vida vem ganhando qualidade nas minhas escolhas. Ainda não posso muita coisa mas meu objetivo é sair do sufoco em três anos. Aos 60 ter uma boa reserva de emergência e grana aplicada.

Muito prazer, Kika Gama Lobo

O que mais incomoda nos 50 anos? Envelhecer, sob o aspecto físico, é uma questão? Ou não?

Não é uma questão. Claro que a bunda caída, o ressecamento vaginal e as rugas não são bem vindas. Mas entre morrer Barbie ou seguir flácida, fico com a segunda opção.

Como lida com a beleza? Faz algum procedimento estético? Faz alguma dieta especial? Atividade Física?

Malho por causa da menopausa e isso tonifica um pouco. Fiz botox aos 55 anos e preenchimento aos 56. Quero fazer plástica no meu pescoço aos 60 anos. Tenho 79 quilos mas não sou encanada. Como bem e sou grandona mas, como toda mulher, quero perder os tais 5 quilos

Quando você pensa em saúde aos 50 anos, o que mais te preocupa?

Falta de trabalho. Falta de grana e boletos em cascata. Depois joelhos, varizes e achaques da idade. Não tem como fugir

Tem uma rotina de “sanidade”? Hábitos quando acorda, quando dorme?

Faço meditação pelo celular. Na ginástica coloco minhas neuras pra fora berrando ao dançar (faço HiDance). Tambem rezo. Vou a igreja sentar e orar sozinha.

Quais são seus luxos? Roupas? Massagem? Terapia? Tem alguma coisa que deixa o seu “dia a dia” mais leve? Alguma “ilha de paz” quando enlouquece dentro de casa?

Leio. Meus luxos são simples. Tomo banho demorado. Assisto uma série curta. Tomo um vinho melhor. Não posso me dar ao luxo de ir para um spa ou retiro muito menos comprar nada. Sou escrava da minha realidade

O que te mantém nos eixos? O que te tira o sono?

O que me mantem nos eixos: formar minhas filhas na faculdade e me tornar independente financeiramente. Meus boletos são a minha sanidade por incrível que pareça. Não posso me dar ao luxo de depressão ou cansaço. Os boletos sempre vencem.

O que me tira o sono?

A insanidade dos outros. O marido que bebe sem parar. Minha mãe que torrou grana dela toda durante a vida e vive quase miserável. E é claro, o Bolsonaro

Ainda tem algumas fantasias? Se sim, quais? Vale qualquer uma…

Sexuais? Tenho vontade de transar com homem mais novo (há anos me jogo nos velhos) mas não quero romance. Quem sabe um dia na rua….. esbarrar num boy magia mas sem romance. Só transar mesmo e ponto. Chega de conchinha

O que te faz feliz hoje? Pode ser no dia a dia…

Minhas filhas são minha alegria. Também gosto de mim. Sou legal comigo e minha companhia me alegra. Rio sozinha dos meus pensamentos.

Quem te inspira?

A mulherada madura. Que transformação sensacional. São ótimas.

Como se imagina aos 70 anos?

Ryka ( kkkkkkk)

0 Shares:
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também pode gostar:
Café
Saiba Mais

Um café e uma água com gás

Organizei um tempinho para mim e a sensação de encontrar alguém que não está no meu mundo particular (minha casa) pra um café é emocionante!
Amortecimento
Saiba Mais

Amortecimento

Ainda me lembro da forte sensação de amortecimento pela qual fui banhada do topo da cabeça ao dedão do pé ao ouvir: “Você está demitida”.