Tem um grupo delicioso no Whatsapp com os colunistas do Inconformidades que virou uma enorme biblioteca com listas de sugestões de livros, séries e posts que têm a ver com esse universo que a gente apresenta pra você aqui diariamente.

Por isso, toda semana vamos compartilhar algumas sugestões pra atualizar sua biblioteca e a lista do que assistir no fim de semana ou nas madrugadas de insônia. Bom fim de semana!

Daniel Grasser – Quero dividir com vocês um artigo que li esses dias e fala sobre a Biblioteca Humana. Criada há 20 anos na Dinamarca, a ideia é não julgar um livro pela capa e promover a tolerância transformando pessoas em livros.

O acervo da biblioteca conta com assuntos relacionados a experiências humanas e podem ser acessados por meio da contação destas histórias pelas próprias pessoas que a vivenciaram. A instituição trabalha, principalmente, com grupos de voluntários que geralmente são estereotipados pela sociedade, como minorias sexuais, religiosas ou raciais.

Ao escolher uma história para ouvir, o usuário é levado até uma área de discussão onde conhece a pessoa que ministrará o conteúdo. Lá, ele poderá escutar o “livro humano” e questionar, tirar dúvidas: tornando a experiência enriquecedora para ambas as partes.

Ana Paula Dupont – Vi esse vídeo num fim de semana, em um treinamento que participei.. Bem interessante para o auto-conhecimento.

Edwiges Parra – Eu comecei a assistir o documentário no Netflix : “Corpo Humano – Nosso Mundo Interior” que estreou em maio de 2021. Cada vez mais, a humanidade terá que assumir maior conhecimento sobre si mesmo para desenvolver a habilidade de auto-cura.

Maria Mártims – Estou lendo o livro “Por que nós dormimos” do Mattew Walker, um estudo revolucionário sobre como o sono afeta todos os aspectos do nosso bem-estar físico, mental e emocional e principalmente como podemos aproveitar o sono para trazer todo o nosso potencial de saúde.

Dormir bem é a base para a prevenção de doenças como câncer, demências e aumentar a nossa longevidade.
Estou adorando!!

Kika Gama Lobo – Estou relendo Machado de Assis: “Memórias Póstumas de Brás Cubas”. Sensacional

Lívia Miranda – Estou lendo o livro “O peso do pássaro morto”, da Aline Bei. Primeiro romance dela; conta a história de uma mulher dos seus 8 aos 52 anos e as perdas que fizeram parte de sua vida. O que mais me chamou a atenção foi como ela brinca com a estrutura formal da linguagem, quase um poema. E assistindo: “The Man in the High Castle” na Amazon Prime, uma serie que conta a história do mundo num universo distópico onde os nazistas ganharam a guerra. Baseada num romance homônimo. Tem seus altos e baixos mas vale!

Ana Rodrigues – Acabei de ler “Marilia Valls – Um Trabalho Sobre Moda” da Ruth Joffily.

O livro conta a história da estilista Marilia Valls que era dona da icônica Blu Blu, marca carioca que fez sucesso nos anos 70.

Mais do que falar sobre a estilista o livro traça um retrato da sociedade carioca e como a moda foi se modificando junto com novos padrões de comportamento.

Super interessante. Recomendo a leitura. Acredito que só seja possível encontrar o livro na Estante Virtual.

Georgia Mendes Silva Alvarenga – Estou lendo “Naná” de Émile Zola. Filha de pai alcoólatra e de uma lavadeira, Naná é uma atriz de teatro medíocre, mas com um corpo de Vênus e uma sexualidade à flor da pele.

É o tipo perfeito da prostituta de luxo, uma cortesã da alta sociedade francesa dos tempos do Segundo Império que transforma sua casa em um cabaré e enriquece à custa do comércio carnal. É uma leitura mais difícil, mas estou gostando.

Renata Strang – “A natureza da mordida” – Segundo livro da Carla Madeira (autora do excepcional “Tudo é Rio”).

Assistindo: “Mare of Easttown” HBO com a Kate Winslet. Bem legal, indico!

1 Shares:
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também pode gostar:
Mesa para três
Saiba Mais

Uma mesa para três

Já reparou como as amigas solteiras são excluídas dos rolês de casados? Será que rola uma mesa para três ou somos obrigados a andar em pares?