Afrodisíaco é um termo usado para alimentos ou drogas que aumentem o desejo sexual ou aumentem a performance e prazer sexuais. A indústria farmacêutica investe imensamente em drogas para aumentar prazer, libido e potência sexual.

Durante o climatério e menopausa, é necessário reconstruir a forma de ter prazer sexual. Pensar em apimentar a relação seja com massagens, óleos, velas, apetrechos ou receitas já começa a estimular os sentidos e a imaginação.

Vamos falar de alguns afrodisíacos com respaldo científico.

Maca peruana
Apelidada de viagra peruano, a maca é prima dos vegetais crucíferos como brócolis, couve flor e repolho. Estudo encontraram evidências de aumento da libido em humanos, um único estudo indica que a maca pode ajudar a reduzir a perda da libido que pode ocorrer como efeito colateral de drogas anti-depressivas. A maca está na moda, mas cuidado ao comprá-la, há diferenças entre os tipos de farinha, procure marcas confiáveis! Use de manhã em smoothies ou shots.

Tribulus terrestris
Há menos evidências do que a maca peruana, mas alguns estudos sugerem que possa melhorar desejo em homens e mulheres, mas é preciso mais estudos para afirmar sua eficácia.

Ginko biloba
Muito utilizado na medicina tradicional chinesa, sugere-se que o ginko pode tratar depressão e melhorar a função sexual ao agir como afrodisíaco por relaxar os vasos sanguíneos e melhorar o fluxo sanguíneo. Cuidado com interação entre o ginko e medicamentos anti-coagulantes! As evidências ainda são poucas.

Ginseng vermelho
Outra erva popular na medicina tradicional chinesa. Pesquisas sugerem que seu uso pode melhorar a função erétil. Também há um pequeno estudo sugerindo a melhora do desejo sexual feminino na menopausa. Ainda precisamos de mais estudos e também lembra que ele pode interferir com remédios anti-coagulantes e no tratamento de câncer hormônio-dependente.

Fenogrego
Usado em pratos do sul asiático e também como medicamento ayurvedico como anti inflamatório e para melhora de libido. O fenogrego contém compostos que o corpo pode usar para fazer hormônios sexuais como estrogênio e testosterona. Um estudo com fenogrego por 6 semanas evidenciou melhoras no desejo sexual e mais orgasmos. Esta planta também contém zinco, vitamina B6 o que pode ter contribuído para os resultados. O zinco tem um papel chave na fertilidade masculina! Pode ser usada como condimento em pratos com sotaque oriental!

Pistache
Agora você deve ter feito uma cara de espanto!!! Sim o pistache além de ajudar a reduzir a pressão sanguínea, ajudar no controle de peso por ser uma gordura saudável, reduz o risco de doenças cardiovasculares e sim, melhora a disfunção erétil. Exatamente por melhorar o fluxo sanguíneo ele pode estimular melhor fluxo pelo corpo todo, inclusive ao pênis, e também provocar ereções mais firmes.

Açafrão
O crocus sativus é popular pelas suas propriedades afrodisíacas, especialmente em indivíduos que fazem uso de anti-depressivos. Ele é diferente do açafrão da terra, a cúrcuma, este é aquele pistilo que usamos nos risotos e paellas, de alto custo e extremamente delicado, mas já utilizado como suplemento.

Um estudo com grupos de homens – um usando um placebo e o outro usando 30 mg de açafrão, mostrou melhora na disfunção erétil no grupo controle. Outro estudo em mulheres também em tratamento para depressão mostrou maior lubrificação no grupo controle quando comparado com o grupo que usou o placebo. Em estudos para indivíduos sem depressão, os resultados são inconsistentes.

Vimos como há muitos alimentos além de ostras e chocolate com potencial afrodisíaco? Sugestões da nutri chef que vos escreve – um belo risoto de açafrão com um peixe em crosta de pistache, que delícia não?

E uma receita de uma masala – uma mistura de temperos indianos para você usar com vegetais e leite de coco, ou com um frango e leite de castanhas.

1 colheres de sopa de sementes de fenogrego
½ xícara de sementes de mostarda
¼ colher de chá de cúrcuma
1 colher de sopa de assa fétida moída
¼ colher de chá de pimenta caiena (pode aumentar se gostar de mais picância)
1 colher de chá de manteiga ghee ou óleo de coco

Aqueça o ghee ou óleo de coco e coloque a assa fétida moída. Refogue rapidamente.

Bata os outros ingredientes em um mini processador ou moedor de grãos de café. Misture a assa fétida refogada com as outras especiarias. Guarde em um pote de vidro na geladeira e use nos refogados de legumes ou proteínas.

Informações de pesquisas no site Pubmed e também do site Healthline.com.

0 Shares:
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também pode gostar:
Saiba Mais

Amor sem medo

“Se você ama alguém, deixe-o livre. Se ele voltar, é seu. Se não, nunca foi.” Já conversou sobre relacionamento aberto com alguém?
Prataria
Saiba Mais

Prataria

Foi a transição dos cabelos e pentelhos brancos que me levaram a essa reflexão. Sou uma mulher grisalha mas com muita lenha pra queimar.
Tesão
Saiba Mais

Faça com tesão

Quero um Dia dos Namorados novo. Sem neuras, sem pressão, sem regras. Do jeito que der. Só eu e ele. Pelados. Inteiros ainda que aos pedaços.
Possibilidades
Saiba Mais

Possibilidades

Os brinquedinhos e os acessórios indicados por Drika Almeida para abrir um universo de novas possibilidades nesse Dia dos Namorados.